A mente é uma ferramenta muito poderosa e, em última análise, determina quem você é como pessoa.

Também conhecida como Mindset, esse padrão de pensamento ou seu estado de espírito afeta a maneira como você entende o mundo e também a si mesmo.

Então, em outras palavras, Mindset é um conjunto de crenças e pensamentos que influenciam a maneira como você lida com qualquer situação.

Isso praticamente dita a sua personalidade ajudando-o a resolver o que está acontecendo ao seu redor e o que você deve fazer a respeito.

Como o Mindset é Formado?

Desde tempos imemoriais, as pessoas pensaram, agiram e se saíram diferentemente umas das outras. Na maior parte do tempo, o senso comum determina que essas diferenças surjam das variações de background, experiências de aprendizado e treinamento. Além disso, a pesquisa também aponta na mesma direção.

Assim, enquanto experiências, planos de fundo e treinamento são todas variáveis ​​externas, até mesmo variáveis ​​internas, como composição genética, têm um papel a desempenhar.

A maioria dos especialistas hoje concorda que formar um mindset é uma combinação dos dois. Por exemplo, enquanto todo mundo vem com um conjunto único de genética, suas experiências, treinamento e esforços pessoais levam o resto do caminho.

Assim, suas experiências de vida e genética juntas ajudam a estruturar suas atitudes e crenças. E já que ambos têm um papel importante a desempenhar no seu mindset, ajuda saber de que se tratam esses dois fatores.

Sua Atitude

Em primeiro lugar, a sua atitude para com alguma coisa é como você pensa ou se sente em relação a isso, especialmente quando isso se mostra na maneira como você se comporta.

Sua atitude pode ter componentes diferentes, como um componente emocional ou como algo ou alguém faz você se sentir. Depois, há o componente cognitivo que é como ou o que você pensa sobre o assunto. Isso é finalmente seguido pelo componente comportamental que mostra como você se comporta quando confrontado pelo sujeito.

Sua Crença

Depois, há suas crenças que são meramente sentimentos de certeza sobre alguma coisa. As crenças são baseadas em idéias e quando em um ponto específico, essas idéias começam a se sentir certas, elas se transformam em crenças. As crenças, por sua vez, dão forma à sua atitude, o que, por sua vez, molda o seu mindset.

Atitudes e crenças, dão origem a hábitos que são um reflexo direto de sua mentalidade.

Talvez o exemplo mais comum e bem conhecido de um mindset seja ver o copo como "meio vazio" ou "meio cheio".

Tipos de Mindset

o que é mindset

Existem diferentes tipos de mindset que podem ajudar você a liberar o seu melhor ou conter seu potencial. Poderia fazer uma longa lista destes, mas aqui estão alguns que foram apoiados por pesquisas. 

Mindset de Abundância Vs Escassez

A maneira como você vê a abundância ou a escassez em diferentes aspectos da vida influencia grandemente o seu sucesso.

Por exemplo, imagine que duas pessoas estejam andando pelas ruas. Eles estão conversando um com o outro, rindo, brincando e ao mesmo tempo respirando e expirando.

Agora você acha que um dos dois pode se preocupar que pode não haver oxigênio suficiente para os dois? Provavelmente não, já que o ar é abundante.

Agora, coloque as mesmas duas pessoas mergulhando onde o tanque começa a funcionar mal. Essa pessoa sinaliza a necessidade de oxigênio e, de repente, o ar ao redor deles se torna um bem precioso.

Essa escassez poderia facilmente fazer com que os dois se preocupassem com o seguinte, e se não houvesse oxigênio suficiente para os dois?

Na maior parte, a população em geral parece estar mais inclinada a uma mindset de escassez. Eles costumam ver a vida como tendo apenas tanto e se tivessem que compartilhar, não haveria o suficiente para eles.

Essa triste mentalidade dificulta muito para que essas pessoas compartilhem qualquer coisa, incluindo crédito, reconhecimento, responsabilidade ou mesmo autoridade com os outros.

Em vez disso, eles acabam competindo pelos recursos disponíveis, mesmo quando pode haver uma abundância deles.

Por outro lado, aqueles com uma mindset de abundância não são limitados por este padrão de pensamento. Em vez de ver a oportunidade como limitada, eles se esforçam para criar mais oportunidades para si próprios e abraçar a mudança em vez de temê-la.

Em suma, uma pessoa com uma mentalidade de escassez escolhe pensamentos negativos e adota uma mentalidade de vítima. Na melhor das hipóteses, seu foco diário está em todas as coisas que podem não estar funcionando.

Mas outros com uma mentalidade de abundância tendem a colocar todas as suas reservas de energia no que está funcionando e ver infinitas possibilidades de melhorar sua situação atual.

Mindset Produtivo Vs Mindset Defensivo

Esta combinação basicamente lida com o desempenho diário. Muitas pessoas podem pensar que têm um mindset produtivo ou que estão sendo produtivas, enquanto na verdade estão apenas ocupadas; na realidade, eles podem não estar finalizando tarefas de forma produtiva e concluindo projetos.

Pense na sua lista de tarefas diárias e nas dez coisas que você precisa fazer até o final do dia. Você pode ter passado o dia todo correndo e fazendo coisas, mas quando são 17h e você termina o dia, percebe que só conseguiu marcar três das dez coisas que você deveria fazer. Você sente que está trabalhando o tempo todo, mas na verdade não faz muito.

Isso significa que você é preguiçoso e não quer alcançar suas metas? Ou talvez tenha algo a ver com a seu mindset.

Ter uma mentalidade produtiva significa que você utiliza todos os seus recursos, incluindo seu tempo, energia e esforços da melhor maneira possível. Ao mesmo tempo, isso também significa que você não tenta fazer tudo, estar em todos os lugares ou até mesmo fazê-lo da maneira mais rápida possível.

Muito pelo contrário, significa aproveitar ao máximo o que está disponível enquanto desfruta do processo. Aqueles com uma mentalidade produtiva procuram conhecimento válido que seja testável e usam seu raciocínio para fazer escolhas informadas.

Assim, essas pessoas encontram um caminho e passam mais tempo procurando soluções para um melhor desempenho, em vez de encontrar problemas e ficarem presas.

Por outro lado, a mentalidade defensiva, como o próprio nome sugere, é autoprotetora e autodefensiva. Este tipo de mentalidade só procura informações com as quais se sente confortável e desliga quando percebido como ameaçador. Obviamente, esse padrão de pensamento pode se tornar muito limitante.

Também é uma maneira aparente de evitar a criatividade, encontrar alternativas melhores para os problemas existentes e facilmente cair em uma rotina. Mas talvez o maior revés dessa mentalidade seja que você aprende algo baseado em falsas suposições ou impede completamente o aprendizado.

Mentalidade fixa vs Mentalidade de crescimento

Esta combinação é talvez a mais conhecida em termos de mindset. Muito resumidamente, um mindset fixo é uma visão estática em que você acredita que você é bom em alguma coisa ou simplesmente não é capaz de mudar o chamado "fato" ou "destino".

Por outro lado, um mindset  de crescimento é uma mentalidade de aprendizagem com uma visão dinâmica. Essa mentalidade permite acreditar que você pode mudar, melhorar, prosperar e melhorar em qualquer coisa com o treinamento certo.

Agora, voltando aos três pares de mentalidades, é bem fácil ver que uma mentalidade de cada par permite que você explore, cresça e tenha mais conteúdo em geral. O outro faz o oposto.

Essas mentalidades limitantes podem parecer mais confortáveis, mais fáceis de seguir e exigem menos esforço, mas têm um custo. Não só eles repelem as boas oportunidades na vida, mas também podem impedi-lo de alcançar todo o seu potencial.

Por que o mindset é importante?

Agora todo  mindset pode funcionar de maneira dupla. Por exemplo, enquanto sua mentalidade individual pode abrir portas para você, também pode definir sérias limitações com base em suas crenças e abordagem em diferentes cenários.

Isso significa que, assim como as mentalidades podem ajudá-lo a identificar oportunidades, elas também podem prendê-lo em ciclos de autodestruição. As histórias que você diz a si mesmo e as coisas que você acredita sobre si mesmo podem ir de qualquer maneira.

Em primeiro lugar, se você ficar preso em uma mentalidade negativa ou limitante, então sua mentalidade impedirá que a mudança aconteça em sua vida. Mas se você desenvolver uma mentalidade positiva, permitirá que novas habilidades floresçam.

A Importância do Mindset na Vida

Porque sua mentalidade que mantém seu conjunto de crenças, tem imenso potencial para fazer a diferença em sua vida?

Para a maioria das pessoas, suas crenças são o cerne de seus esforços. Como tal, as crenças distinguem as pessoas que são bem sucedidas no que fazem em oposição a outras que lutam continuamente.

Essas crenças formam a base de onde suas habilidades vêm. Basta pensar em seus talentos, sua inteligência e sua personalidade. Você considera esses traços simplesmente fixos e permanentes, ou você acha que esses são aspectos que você pode cultivar e melhorar ao longo da vida?

A rigidez ou flexibilidade sobre essas crenças é o que determina sua mentalidade.

Ter a mentalidade certa para qualquer tarefa em particular é quase um pré-requisito para o sucesso. Seja você pai, professor, aluno, empresário ou qualquer outra profissão, você precisa ter a mentalidade certa para ter sucesso no que faz.

Toda a jornada vem com os seus próprios obstáculos e obstáculos e uma mentalidade positiva permite que você não apenas supere-os mas até mesmo recebê-los como desafios ou uma oportunidade para aprender e crescer.

Se você olhar ao seu redor, verá que muitas vezes pessoas com circunstâncias semelhantes têm resultados muito diferentes na vida. Isso acontece por causa de sua mentalidade.

Se você tiver uma atitude positiva, será mais fácil superar os contratempos do que os outros com uma mentalidade negativa ou limitadora. Ou, se você tiver uma mentalidade negativa, sentirá o mundo desmoronar toda vez que houver uma experiência desagradável.

Se as suas convicções principais não o apoiarem, você provavelmente se comprometerá com uma situação difícil. Você pode ser mais suscetível a desistir e admitir o fracasso, quando tudo o que você precisa fazer é se esforçar mais ou, talvez, adotar uma abordagem diferente. Você também pode precisar mudar seu estado de espírito.

 O que a Ciência diz sobre Mindset?

A neurociência ou o estudo do sistema nervoso nos diz que o cérebro está continuamente criando e destruindo os caminhos neurais. Esses caminhos, por sua vez, formam nossos pensamentos e padrões de comportamento que dizem ao seu cérebro para tomar decisões, escolher ações e apresentá-lo ao mundo exterior.

Entre estes, os caminhos que são usados ​​mais se tornam mais fortes, enquanto outros que permanecem subutilizados tornam-se fracos e, finalmente, são substituídos.

Esse dado científico se correlaciona com a explicação de diferentes mentalidades, porque o cérebro é pré-adaptado ao viés para aprender coisas novas. Ao mesmo tempo, há também aquelas pessoas que aprendem a parar de aprender e ficam presas em uma mentalidade fixa.

Pessoas com mentalidade positiva são mais propensas a melhorar o que reforça o pensamento de que a capacidade pode ser melhorada. Por outro lado, as pessoas com uma mentalidade negativa parecem estagnar, o que reforça o pensamento de que elas ficam presas em seu nível de habilidade atual sem melhora.

O Mindset Grow ( crescimento) tem sido alvo de estudos a anos e sera explicado em mais detalhes em um próximo artigo. A diferença dele para o Mindset fixo é o seguinte

A mentalidade fixa prioriza resultados como obter “ este emprego” ou perder “aqueles 30 quilos”, onde a pessoa pensa que eles são definidos pelo resultado. A mentalidade de crescimento diz que o esforço colocado no processo de alcançar esse resultado é mais importante.

Isso ocorre porque você pode se tornar mais inteligente, mais criativo e mais bem-sucedido, concentrando-se no processo e não no resultado. Deixa muito espaço para melhorias, o que significa que você continua a crescer como pessoa.

Não perca o próximo artigo onde detalharemos mais esse assunto 🙂